quinta-feira, 28 de maio de 2015

Como não gostar do Camping Paineiras?



Esta foi a nossa terceira vez lá e serviu para confirmar ainda mais a nossa preferência por esse camping.
Por isso que não é de hoje que ele vem ocupando a 2ª colocação entre os nossos prediletos, perdendo para o Camping Chapéu de Sol, e por muito pouco.

A acampada relâmpago ocorreu com a nossa turma de sempre, os Campiratas.
Chegamos por volta das 23h da sexta-feira, as famílias Camping a Dois, Afrapaty e Malokada já estavam lá.
Montamos o nosso equipamento em tempo recorde, até porque levamos pouca coisa dessa vez.
Pronto, a noite seguiu muito gostosa com bate papo e é claro, o tradicionalíssimo “churrasco da madrugada”, um clássico dos Campiratas.
Voltando ao camping, ele continua impecável: Grama perfeitamente aparada, instalações dos banheiros em excelentes condições, tudo 100% limpo e funcionando. Piscinas cristalinas (redonda grande, retangular grande e infantil), playgroud muito bem cuidado e seguro, lago limpo, restaurante bacana, preços condizentes com a realidade, pessoal da portaria nota 1.000, instalações elétricas boas (ainda não são perfeitas na área de barracas), infraestrutura toda funcional e bem cuidada.
Cá para nós, criticar esse camping seria uma bobagem enorme. Claro que ainda dá para melhorar uma coisinha aqui outra ali. Mas como afirmamos, está em segundo lugar na nossa lista, ou seja, adoramos.
Assim deixamos uma dica: Está na dúvida em qual camping ir num final de semana? Experimente o Paineiras, apostamos que ele também vai entrar para a sua lista de prediletos.

Nesse camping produzimos alguns vídeos, um deles é o "Camping Reórter Show - Apresentação do Drone", onde você pode ver um pouquinho da estrutura desse maravilhoso local, acompanhem:




quinta-feira, 21 de maio de 2015

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Regulamento: Campeonato de Churrasco Campista - 2015





Campeonato de Churrasco Campista - 2015

Local: Camping Carrion (Itu/SP)
Data: 27/06
Horário do início: 11h
Quem pode participar: Participantes do #MEI15
O que é: Trata-se da primeira edição do campeonato de churrasco campista, uma competição onde cada equipe prepara sua receita secreta para surpreender os jurados e, no final, serão eleitos os 3 melhores do ano.
Premiação: Todos saem ganhando com a interação, o churrasco coletivo, entre outros pontos positivos. Estuda-se bonificar os vencedores com algum brinde.
Categorias: Brancas (aves ou peixes) e Vermelhas (bovinos ou suínos)


Importante: Leia com atenção integralmente todos os itens abaixo, eles definem as regras da competição.


Regulamento

01 - Cada equipe deve ser formada por membros de uma família ou grupo de amigos.

02 - Juntos os membros terão que dar um nome ao time.

03 - O número de integrantes de cada equipe não pode ultrapassar 4 pessoas e não pode ser menor do que 2 pessoas (ou seja, só haverá equipes com 2, 3 ou 4 integrantes).

04 - Cada equipe terá 1 integrante que não vai ajudar no preparo nem manuseio dos alimentos antes da finalização completa, pois vai integrar a comissão julgadora.

05 - Cada equipe pode participar de apenas 1 categoria (não há impedimento quanto ao preparo de mais receitas em categorias diferentes, porém só uma poderá competir).

06 - Acompanhamentos estão liberados para harmonizar ou não com o prato (molhos, farofas, saladas, bebidas, temperos pós-preparo, etc.).

07 - A comissão julgadora anotará as 3 receitas de cada categoria que mais gostou na ordem; Sem eleger a do próprio time.

08 - Cada posição conquistada de cada juiz vai acumular pontos da seguinte forma: 1º lugar = 5 pontos, 2º lugar = 4 pontos, 3º lugar = 3 pontos, 4º lugar = 2 pontos e 5º lugar = 1 ponto. Ganha quem somar mais pontos.

09 - Como não pode haver empate, se isso ocorrer os jurados terão que se reunir e debater até definir os 3 primeiros de cada categoria.

10 - O tempo total da prova será de 2h (início 11h). Recomenda-se avaliar bem o tempo necessário para a finalização do prato para que não termine antes e fique frio no momento da comissão julgar ou tarde demais após 2h do início da prova.

11 - Cada equipe deve providenciar todos os seus próprios equipamentos para o preparo integral das receitas (churrasqueira, carvão, acendedor, faca, tábua, pegador, prato para servir, temperos, carnes, etc).

12 - Não serão aceitas churrasqueiras elétricas ou qualquer outro dispositivo elétrico (faca elétrica, liquidificador, grill, aquecedor com resistência elétrica, soprador à motor elétrico, etc).

13 - O tamanho das porções devem ser suficientes para servir de maneira leve/pequena todos os jurados para que seja possível degustarem (Recomendável uma porção entre 10 e 25g.).
* Recomenda-se preparar quantidades maiores (não estipularemos quanto) para no final do campeonato celebrarmos a competição com todos os amigos que participaram, num amistoso churrasco coletivo comemorativo !

14 - Os jurados avaliarão sob critérios próprios, porém serão orientados a considerarem sabor, textura, dificuldade da elaboração, originalidade e apresentação.

15 - As carnes terão que ser cortadas, temperadas e assadas diante de todos (não pode haver pré-preparo, deixar marinar tempos antes, cortes especiais, recheios, etc), para temperar o time pode se valer do item 17 deste regulamento.

17 - Já os acompanhamentos podem ser trazidos/oferecidos pré-prontos ou prontos.

16 - Recomenda-se cuidado com carnes de caça, exóticas, miúdos ou não comuns, pois se não agradarem o paladar de algum jurado esse poderá zerar sua pontuação. Vale lembrar que o corpo de jurados será composto por pessoas que aceitam normalmente as 4 possibilidades propostas nas 2 categorias, ou seja: Aves, bovinos, suínos ou peixes (água doce ou salgada). O time pode ousar e tentar oferecer algo diferente para obter pontuação em originalidade, porém será por sua conta e risco.

17 - Podem ser utilizados quaisquer temperos comestíveis in natura, desidratados ou processados em meios sólidos ou líquidos, estão incluídos temperos caseiros secretos.

18 - Diante de qualquer conduta inadequada que venha prejudicar os demais participantes e/ou o bom andamento do campeonato, o(s) envolvido(s) será(ão) imediatamente desclassificado(s).

19 - Os organizadores podem: (A) Vetar equipes que eventualmente contiverem algum elemento ou participante que possa expor os demais a riscos físicos. (B) Limitar o número de participantes para que não se torne impossível avaliar um número de receitas muito extenso ou que a avaliação se torne demorada demais (C) Podem cancelar o campeonato caso ocorram condições adversas não previstas.

20 - Devido aos riscos envolvendo manuseio de objetos cortantes, fogo e objetos quentes não é recomendada a participação de crianças no campeonato como churrasqueiro ou função correlata. Mas é claro que podem torcer e ajudar em alguma coisa que não envolva risco.

21 - Será recomendado o isolamento fictício da área para que somente os times e eventuais pessoas que queiram capturar fotos e filmes circulem. Porém, os competidores devem ter atenção ao item 18.

22 - Aproximadamente 10 minutos antes do início haverá uma explanação geral bem como abertura de espaço para eventuais dúvidas de última hora.

23 - Este regulamento se faz necessário por mera formalidade, sabemos da boa intenção de todos em participar desse campeonato e proporcionar segredos culinários com os demais campistas. A organização pode alterar parcialmente este regulamento para eventuais ajuste visando a melhoria da competição até o dia 20 de junho de 2015.



Parabéns por sua iniciativa de participar desta brincadeira e de formar o seu time/equipe, você está trazendo amizade e alegria para abrilhantar ainda mais o evento.





Pequenos perigos (Animais peçonhentos)


Serpentes verdes, aranhas peludas demais, escorpiões pretos, esses e tantos outros animais peçonhentos levam fama de perigosos apenas por suas aparências.

Mas não se engane, em alguns raros campings pode haver alguns desses que realmente são perigosos, principalmente para crianças e pessoas mais sensíveis.
Assim, não há motivo para pânico, com apenas alguns cuidados bem básicos você pode salvar a sua família de um apuro que é passar um final de semana com alguma parte do corpo doendo demais e inchada.
Fato: O índice de acidentes com esses animais no Brasil é muito pequeno, e a letalidade menor ainda.

A Raquel Sodré do site da revista Super Interessante listou no último dia 4 de maios os 8 animais mais peçonhentos do Brasil, segue a matéria no melhor modo "CTRL+C", "CTRL+V":

O Brasil é um dos países com maior diversidade biológica do mundo. Segundo um estudo do Departamento de Zoologia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o país abriga um total de 1,8 milhão de espécies (sim, de espécies, e não de espécimes!) conhecidas.
Nessa lista, alguns bichos são mais fofos e carismáticos, como os golfinhos (<3) e as preguiças (<3 <3 <3). Mas quem dera o reino animal fosse constituído só de fofura. Dentre nossos quase 2 milhões de espécies, há também aquelas que são difíceis de engolir: os animais peçonhentos.
Diferentemente dos animais venenosos – que até produzem o veneno, mas não têm como aplicá-lo em você – os animais peçonhentos estão com a faca e o queijo na mão. Eles não só são venenosos, como sabem muito bem como te envenenar caso se sintam ameaçados. Na lista de hoje, vamos conhecer os animais mais perigosos da nossa fauna.

1. Jararacuçu
Jararacuçu
Créditos: flickr.com/photos/tiagopadua/
Ela é a responsável por 90% dos casos de envenenamento por animais no país. A picada causa muita dor e um sério inchaço no local. A parte picada também irá desenvolver bolhas e pode haver hemorragia local. Encontrada desde a Bahia até Santa Catarina – além de no Paraguai, na Bolívia e na Argentina -, ela também é conhecida como parona, surucucu, surucucu-dourada, surucucu-tapete, urutu-dourado e urutu-estrela.

2. Cascavel
cascavel
Crédito: Wikicommons/Cobracascavel
Os acidentes que envolvem essa cobra (30% dos acidentes com cobras registrados no Brasil) são bem menos numerosos do que os da colega de cima, mas isso não a torna mais legal. As picadas de cascavel têm um coeficiente de letalidade muito maior do que as da jararacussu, pois frequentemente os sintomas evoluem para a Insuficiência Renal Aguda (IRA). Normalmente, o local da picada não apresenta uma lesão evidente, só uma sensação de formigamento. Mas a vítima começa a apresentar dificuldade para abrir os olhos, aspecto sonolento, visão turva ou duplicada, dor muscular pelo corpo todo e o xixi começa a sair vermelho. Ou seja, se ouvir o chocalho, corra bem rápido para o outro lado.

3. Surucucu
surucucu
Crédito: Wikicommons/Lachesismutamuta
Os casos de picada por surucucu notificados são bem poucos, pois essas serpentes vivem em áreas florestais. Nessas regiões, além de não haver muita gente para ser mordida, o sistema de notificação dos acidentes é pouco eficiente – então, deve haver gente que é mordida e o caso fica desconhecido para sempre. Por isso, as informações sobre os casos de picadas de surucucu são bem escassas. O que se sabe, porém, é que as vítimas normalmente têm inchaço no local da picada, hemorragia e dor intensa. Elas também desenvolvem diarreia e alteração nos batimentos cardíacos.

4. Coral verdadeira
Coral_snake
Crédito: wikicommons/coralsnake
Ser picado por uma cobra coral é uma tarefa até difícil. Somente 0,4% dos acidentes envolvendo serpentes peçonhentas são causadas por elas. A parte ruim é que o veneno dessas cobras é o mais potente do país, e os acidentes com elas normalmente são graves. A pessoa pode ter insuficiência respiratória aguda e morrer. No local da picada, haverá uma pequena reação, e a vítima começará a ter visão dupla, dificuldade de ficar de olho aberto e também dificuldade para engolir. Mas as cobras corais não são agressivas de uma forma geral.

5. Aranha-marrom
IMG_0442
Créditos: wikicommons/Loxoscelesgaucho
Uma picada dessas pequenas aranhas certamente irão resultar em uma enorme ferida no local, e é comum a dor só aparecer horas depois do acidente. Quem já passou pela experiência diz que a dor parece a de uma queimadura por cigarro. O local fica inchado e a ferida custa a cicatrizar. A vítima também costuma ter um mal-estar geral, náuseas, febre e começar a fazer xixi com cor escura. Muito comuns no Paraná, a maioria dos acidentes com as aranhas marrons acontece quando a pessoa vai se vestir ou enquanto dorme e aperta a aranha contra a pele. A picada é a reação natural do animal ao “ataque”.

6. Aranha armadeira
Wandering_spider
Créditos: wikicommons/Wanderingspider
Para essa espécie, o ataque é a melhor defesa. Encontradas em bananeiras, folhagens, madeiras e pedras empilhadas, elas atacam quando se sentem ameaçadas. A dor da picada é grande, a vítima começa a salivar, ter náuseas, tremores e a suar muito. Parece que é grave, mas é muito raro que um acidente dessa natureza termine em morte.

7. Viúva-negra
IF
Crédito: wikicommons/Latrodectusmactans
Essas, sim, são perigosíssimas. Aliás, as viúvas-negras são das aranhas mais perigosas do país. Ela é pequena, mas seu veneno é superpoderoso. Encontradas nas vegetações de praia, nas restingas e até em áreas urbanas, a picada da viúva-negra tem sintomas similares a uma “bad trip” de algumas drogas. Além de uma dor muito forte no local da picada, a vítima pode começar a sentir sensação de angústia, agitação, excitação, confusão mental, dores e contrações musculares, rigidez no abdômen, alterações na pressão arterial e nos batimentos cardíacos. Tudo isso acompanhado de uma sudorese intensa.

8. Escorpião-amarelo
Tityus_Bahiensis_Brasil
Crédito: wikicommons/tityusbahiensis
Apesar de pequenos, os escorpiões amarelos são os que produzem os acidentes mais graves. Quando a vítima é uma criança menor de sete anos, o risco de moralidade é alto. A dor no local da picada vai de moderada a muito intensa, e a pessoa começa a suar muito. A temperatura corporal baixa, a pressão arterial sobe, a pessoa começa a salivar e a sentir náuseas. Aí vêm os tremores, as convulsões, alterações cardíacas, insuficiência respiratória e vômitos.

quinta-feira, 7 de maio de 2015

#MEI15 , olha o que vem por ai...


Ainda estamos em fase de organização, mas já cravamos o local e a data do #MEI15 (Mini Encontro de Inverno 20015), confira:


- O convite do evento está em: https://www.facebook.com/events/1561895727407030/
- E alguns bate-papos sobre o evento em: https://www.facebook.com/groups/470212636331470/permalink/979343812085014/